investidores

A quarta fase de privatização da EDP ocorreu durante o mês de Outubro do ano 2000, tendo sido alienada pelo accionista Estado Português uma posição equivalente a 20,0% do capital da Empresa, correspondente a 600 milhões de acções (valor pós stock-split).

Após a sessão especial de Bolsa realizada a 23 de Outubro de 2000, o Estado Português reduziu a sua posição na Empresa dos anteriores 50,8% para 31,3% (directa e indirectamente).Foi atribuído um prémio de fidelidade de 1 acção por cada 10 acções subscritas e detidas por mais de um ano por accionistas pequenos subscritores, emigrantes e trabalhadores da EDP.

Procura vs Oferta

ProcuraOferta
0
1.125
2.250
3.375
4.500
5.625
6.750
7.875
9.000
    Escala em milhões de acções