histórias edp
Preço da eletricidade

Pagamos mais pela eletricidade em Portugal do que nos restantes Estados-membros da União Europeia?

Numa análise aos últimos dados do Eurostat (2º semestre 2020) sobre o preço da eletricidade entre os Estados-membros da União Europeia (UE), podemos consta-tar que o preço final de eletricidade em Portugal, para os clientes domésticos, está em linha com a média da UE-27.

Se olharmos mais detalhadamente para estes dados, podemos ver que, compa-rando apenas as componentes de energia (custos de produção e comercializa-ção de eletricidade) e redes (transporte e distribuição da eletricidade, desde os produtores até à sua casa), Portugal fica em 16º lugar, em relação aos 27 paí-ses da EU - tendo em conta o consumidor na banda de consumo doméstico mais representativa em Portugal - a DC: consumo anual entre 2.500 e 5.000 kWh. 

Gráfico com os preços da eletricidade para clientes domésticos (€/kWh, 2S2020), em que é visível que os preços em Portugal estão alinhados com a média dos preços da Europa dos 27.
Preços da eletricidade para clientes domésticos sem impostos e encargos, em que é visível que o preço em Portugal está abaixo da média da Europa dos 27
Preço dos impostos e encargos para clientes domésticos em que é visível que o preço em Portugal se encontra acima da média da Europa dos 27.

Fonte: Eurostat

NOTA: Estes gráficos têm em conta o consumidor na banda de consumo doméstico mais representativa em Portugal - a DC: consumo anual entre 2.500 e 5.000 kWh.

 

Impostos quase duplicam a fatura da eletricidade 

O preço da eletricidade em Portugal continua a estar em linha com a média da União Europeia, mesmo depois de adicionada a componente de impostos e encargos, como o IVA, o Imposto Especial sobre o Consumo e outras taxas de cariz político-energético. 

A componente de “impostos e encargos” em Portugal é das mais elevadas da Europa e praticamente duplica o preço final de eletricidade face ao valor base no nosso país. (ver gráficos anteriores)

Apenas a Dinamarca, Alemanha e Espanha têm uma carga fiscal e parafiscal superior a Portugal na fatura de eletricidade residencial. 


Poder de compra dos portugueses abaixo da média europeia 

A verdade é que o preço da eletricidade é formado por custos que são praticamente idênticos em todos os países europeus (como o preço dos com-bustíveis e CO2, as turbinas e os restantes equipamentos mecânicos e eletrónicos das centrais eletroprodutoras e das redes de transporte e distribuição, entre outros). O fator que marca a diferença ao nível dos custos entre países é a mão-de-obra, mas esta acaba por ter um peso pouco significativo no preço total da eletricidade.

Com isto em mente, o preço da eletricidade por si não é elevado, pois como vimos está em linha com a média da UE-27. Mas quando comparamos os preços da eletri-cidade face ao poder de compra, Portugal passa para o 5.º preço mais elevado da União Europeia. Ou seja, o poder de compra dos portugueses é que está abaixo da média europeia. 

Sendo a eletricidade um bem cujo preço é formado por custos que são muito homogéneos entre os vários países, não podemos comparar em paridade de poder de compra.

Preço da eletricidade para clientes domésticos face ao seu poder de compra, em que é visível que o preço em Portugal está muito acima da média da Europa dos 27.

Fonte: Eurostat

NOTA: Este gráfico tem em conta o consumidor na banda de consumo doméstico mais representativa em Portugal - a DC: consumo anual entre 2.500 e 5.000 kWh.

 

A concorrência na geração e a comercialização de eletricidade

O mercado Ibérico de eletricidade é bastante concorrencial, quer ao nível das atividades de geração, quer de comercialização. 
Na produção, Portugal e Espanha estão integrados num único mercado (MIBEL - Mercado Ibérico de Eletricidade), em que o preço é igual em cerca de 95% das horas, refletindo que a capacidade de interligação permite otimizar a utilização das centrais mais eficientes em termos de custos a cada hora no conjunto destes dois países. Ao nível da comercialização, hoje em dia existem quase 40 comercializadores de eletricidade no mercado livre português. 
 

Quotas de geração de eletricidade na Península Ibérica por agente em que é visível que o grupo EDP é o 3º maior operador.

Fonte: REN, REE, Agentes