new r&d

Pontos Relevantes

  • Ação de pesquisa e inovação
  • Duração: 42 Meses
  • Começo: Novembro 2019
  • Orçamento geral: 4 M€
  • Consórcio formado por 12 parceiros de 6 países: Portugal, França, Dinamarca, Grécia, Alemanha e Holanda.

Objetivos

O Smart4RES é um projeto cujo objetivo principal é propor um conjunto de ferramentas de previsão e apoio à decisão para fechar as lacunas e preparar o sistema energético de 2030, e adiante, quando se prevê uma penetração massiva de sistemas de geração de energia renovável. De facto, a previsão de curto prazo de sistemas de energias renováveis é um pré requisito chave para a operação de forma segura e económica dos sistemas energéticos mas a precisão razoável das ferramentas operacionais leva a margens de segurança não negligenciáveis para garantir uma operação segura dos mesmos. Mais, para parques de sistemas energéticos renováveis sem tarifa de ‘feed-in’ que participam nos mercados de energia, as previsões não são precisas o suficiente para evitar discrepâncias, o que leva a penalizações financeiras pelos operadores de rede.

Assim, o EDP New em conjuntos com a Armines, INESCTEC, DNV-GL, DTU e HEDNO, entre outros parceiros, definiu seis objectivos para o projecto Smart4RES:

  • Definir os requisitos para as tecnologias de previsão que permitam a penetração, de quase 100%, dos sistemas energéticos renováveis.
  • Desenvolver uma perspectiva de previsão meteorológica, dedicada a sistemas de energias renováveis, que permita melhorias na previsão de variáveis meteorológicas relevantes, na ordem dos 10-15%, utilizando vários fontes de dados (satélite, imagens do céu e variáveis meteorológicas) e o desenvolvimento de abordagens de previsão de muito alta resolução.
  • Desenvolver uma nova geração de ferramentas de previsão de sistemas de energias renováveis que sejam capazes de melhorar a previsão de produção dos sistemas em pelo menos 15%.
  • Agilizar o processos de obtenção de valores óptimos de dados e previsões, através de novos produtos de previsão, mercados de dados e modelos de negócio inovadores. 
  • Desenvolver optimizações orientadas a dados e ferramentas de decisão para alavancar a penetração a larga escala da energia renovável, combinada com armazenamento, no mercado eléctrico, bem como providenciar serviços de sistema aos operadores de distribuição e transporte.
  • Validação dos novos modelos em ‘living labs’ e avaliação dos valores das previsões.

A granularidade das previsões de sistemas de energia renovável, os casos de estudo a considerar e os tipos de dados necessários para correr os modelos estão sumarizados na figura em baixo. 
 

wind-turbine

Neste projecto, o EDP NEW é responsável por três dos dez demonstradores do projecto:

  • Sistemas de energia renovável em diferentes zonas da Europa
  • Projecto Stocare – Parque eólico na Roménia, onde a EDP Renováveis utiliza baterias para minimizar os erros de previsão.
  • Wind Float Atlantic, tirar partido de cinco anos de recolha de dados para validar os modelos do Smart4RES. 

Nestes demonstradores a EDP Renováveis terá um papel de terceira parte onde definirá quais os parques de energias renováveis que devemos considerar para um primeiro cenário de validação das ferramentas de previsão e dará acesso aos dados e algoritmos que utiliza para a previsão energética nos seus parques de energia renovável. Os demonstradores terão um papel principal na validação das ferramentas de previsão criadas durante o projeto e como elas se comparam, em termos de precisão, com as ferramentas já disponíveis, aumentando a sua precisão actual. 

O início oficial do projeto foi em Novembro de 2019 com a presença de representantes dos treze membros do consórcio.

O projeto será desenvolvido durante três anos e meio, com um orçamento de quatro milhões de euros.
 

Parceiros: