sustentabilidade

ODS7

De modo a cumprirmos o ODS 7, das Nações Unidas, queremos assegurar o acesso confiável, sustentável e moderno à energia, a um preço acessível para todos.

Os nossos objetivos:

  • Investir 8 milhões de euros em redes/micro-redes elétricas para populações sem acesso;
  • Financiar projetos A2E (Access to Energy), em África;
  • Atingir 75% de de capacidade renovável até 2020;
  • Fornecer produtos e serviços de eficiência energética para reduzir o consumo global até 1TWh antes de 2020.

Os nossos indicadores desde 2015

Volume de investimento: 1.540.000€

Capacidade renovável: 22%

Instalações de fotovoltaicos: 223

As nossas iniciativas:

Apoio a projetos de energia renovável em países em desenvolvimento

Feito através do programa Fundo A2E (Access to Energy), que disponibiliza o acesso à energia renovável, sobretudo à energia solar. Esta iniciativa tem o objetivo de contribuir para o desenvolvimento social, económico e ambiental das comunidades mais necessitadas.

Novos parques solares e eólicos

O parque Livadi, com 45MW de capacidade, vai ser construído na região central da Grécia e vai estar operacional em 2020 e o parque Aerorrachi, com 15 MW de capacidade, vai estar em operçaão em 2021. Com estes novos contratos, passamos a estar presente em 19 países e consolidamos a nossa posição no setor eólico.

Projetos voluntários para Precariedade Energética

Em 2018, disponibilizámos um milhão de euros para apoiar projetos que visem a melhoria do conforto térmico dos utentes de instalações do Serviço Nacional de Saúde. Ao mesmo tempo, através do EDP Solidária Inovação Social, atribuímos o mesmo montante para apoiar Instituições Particulares de Solidariedade Social nos seus programas de combate de precariedade energética.

Medidas de eficiência energética

É essencial promover a eficiência energética de modo a termos um consumo de energia mais sustentável. Assim, vamos instalar condutores de energia mais eficientes, como são os casos das bombas de calor e das lâmpadas LED.

Além disso, lançámos, em 2012, o programa Save to Compete que promove a competitividade das empresas em Portugal e Espanha, através de medidas de eficiência energética. O programa já permitiu às empresas pouparem mais de 18 milhões de euros, mais de 174GWh de energia poupada e mais de 70 mil toneladas de emissões de CO2 evitadas.

Programa Mais Eficiência Energética (Sensibilização)

Campanhas de comunicação