yes to energy logo
Access to energy
Project
Fundo A2E - Centrum Narovinu

No Quénia, um sistema de energia solar para alimentar um centro de incubação de tilápias.

A2E - Narovinu projeto

Projeto: Energia Solar para Incubadora de Alevinos de Tilápia

País e região/localização: Quénia, Ilha de Rusinga - Condado de Homabay

Categoria: Energia e Negócios

A Ilha da Esperança é um centro comunitário na Ilha de Rusinga que cuida de órfãos, crianças vulneráveis e famílias carenciadas, oferecendo uma gama abrangente de serviços, incluindo instalações educacionais, um orfanato, uma clínica médica e uma piscicultura. O centro tem estado em funcionamento nos últimos 18 anos e, atualmente, presta serviços diretos a mais de 600 famílias na ilha. O centro depende muito do financiamento de doadores, levando o Centrum Narovinu a explorar vias de financiamento locais via iniciativas de empreendedorismo social nos últimos cinco anos.

A Ilha de Rusinga, predominantemente uma comunidade piscatória no Lago Vitória, enfrenta desafios nas práticas de pesca tradicionais devido às mudanças climáticas globais, resultando na diminuição das capturas de peixe, apesar de uma maior procura. Para enfrentar isso, o Centrum Narovinu estabeleceu um projeto de piscicultura como negócio social, empregando habitantes locais e também canalizando os lucros de volta para o projeto. A piscicultura na Ilha da Esperança foi iniciada para mitigar a lacuna no abastecimento, criar oportunidades de trabalho para os locais e gerar lucro que possa ser usado para administrar parte do centro.

Para um desempenho e rentabilidade ideais, a piscicultura requer o seu próprio sistema de incubadora de alevinos. No entanto, eletricidade constante e fiável é crucial para a incubação de ovos de tilápia, um processo altamente sensível a interrupções de energia. Dadas as frequentes quebras de energia na ilha, muitas vezes por períodos prolongados, o sistema da incubadora estaria em risco.

O projeto envolve a instalação de um sistema de incubadora alimentado por um sistema solar fotovoltaico capaz de produzir trinta mil alevinos mensalmente. Esses alevinos serão então transferidos para cinco gaiolas de crescimento, respondendo tanto às necessidades internas quanto à venda para agricultores locais.

A implementação de um sistema fotovoltaico garantirá um fornecimento de energia ininterrupto para a incubadora, reduzindo a dependência de fontes de energia inconsistentes. Além disso, um gerador diesel de reserva fornecerá energia de emergência, se necessário. Essa iniciativa tem como objetivo diminuir os gastos por ciclo para o Centrum Narovinu, cumprir rigorosamente os cronogramas de abastecimento e aumentar a produção total da produção piscícola em mais de 40%, com um aumento projetado de 20% no rendimento assim que o projeto estiver operacional.

Resultados esperados:

  • Um sistema de incubadora de alevinos de tilápia totalmente funcional, alimentado por 15 kW de energia solar, com capacidade para produzir 30.000 alevinos por mês.
  • Sistema de 5 gaiolas de crescimento com 10 metros de diâmetro, com capacidade para 30.000 alevinos cada, para o condicionamento dos alevinos antes da venda.
  • Redução do custo dos alevinos e duplicação do rendimento através da venda dos alevinos para os agricultores locais, que serão utilizados nas atividades da Ilha da Esperança.
  • Envolvimento de estudantes de agricultura no projeto para aprendizagem prática.

Impacto (resultados)

600
Beneficiários diretos
1500
Beneficiários indiretos
15 kWp
Potência instalada
ODS Principal
ODS 7
Classificação B4SI
Desenvolvimento económico
Fundo A2E - Programa
Lazy image
Fundo A2E
Este é um dos projetos apoiados pelo Fundo A2E. Saiba mais sobre este programa aqui.
Subscribe to our newsletter

Our program brings together over 500 social responsibility projects, investing more than 30M€ each year to create positive change on a global scale.
We are thrilled to invite you to subscribe to our newsletter and join the movement!

terms of the GDPR privacy policy
EN
 
Information about the processing of your personal data:

EDP ​​- Energias de Portugal S.A. (“EDP”) is the entity responsible for processing your personal data submitted in this form for the purpose of sending newsletters related to the social responsibility projects developed by the EDP Group, which are processed based on your consent.We inform you that EDP may resort to subcontractors who will process the data in the name and on behalf of EDP under the terms of the contracts established with these entities and following instructions from EDP. EDP ​​will keep your personal data as long as you are interested in receiving our newsletter, or for a longer period if legally obliged to do so. In any case, EDP always implements the appropriate technical and organizational measures.
You may exercise your rights of access, rectification, deletion, portability, limitation or opposition by sending an email to SICO@edp.com. You may also, through this email address, withdraw your consent to the processing of data for the indicated purpose, which does not, however, invalidate the processing carried out up to that date based on the consent previously given.You can also submit a complaint to the National Data Protection Commission, if you consider that your rights in this matter have not been respected. For any question related to this information, you may also contact EDP's data protection officer (DPO), via email dpo.pt@edp.com.

---------------------------------------------------------------------------------------------------

PT

 
Informação sobre o tratamento dos seus dados pessoais:

A EDP - Energias de Portugal S.A. (“EDP”) é a entidade responsável pelo tratamento dos seus dados pessoais submetidos no presente formulário para efeitos de envio de newsletters relacionadas com os projetos de responsabilidade social desenvolvidos pelo Grupo EDP, sendo os mesmos tratados com fundamento no seu consentimento. Informamos que a EDP poderá recorrer a subcontratantes que tratarão os dados em nome e por conta da EDP nos termos dos contratos estabelecidos com essas entidades e mediante instruções da EDP. A EDP conservará os seus dados pessoais enquanto mantiver o interesse em receber a nossa newsletter, ou por período superior se estiver legalmente obrigada a fazê-lo. Em qualquer caso, a EDP implementa sempre as medidas técnicas e organizativas adequadas.
Poderá exercer os seus direitos de acesso, retificação, apagamento, portabilidade, limitação ou oposição através do envio de e-mail dirigido a SICO@edp.com. Poderá igualmente, através do referido endereço de correio eletrónico, retirar o seu consentimento para o tratamento dos dados para a finalidade indicada, o que não invalida, no entanto, o tratamento efetuado até essa data com base no consentimento previamente dado. Poderá ainda submeter uma reclamação junto da Comissão Nacional de Proteção de Dados, se considerar que os seus direitos nesta matéria não foram respeitados. Para qualquer questão relacionada com a presente informação poderá ainda contactar o encarregado de proteção de dados (DPO) da EDP, através do e-mail dpo.pt@edp.com

---------------------------------------------------------------------------------------------------
ES

 
Información sobre el tratamiento de sus datos personales:

EDP ​​- Energias de Portugal S.A. (“EDP”) es la entidad responsable del procesamiento de sus datos personales enviados en este formulario con el fin de enviar boletines relacionados con los proyectos de responsabilidad social desarrollados por el Grupo EDP, que se procesan en base a su consentimiento. Le informamos que EDP podrá recurrir a subcontratistas que tratarán los datos en nombre y por cuenta de EDP en los términos de los contratos establecidos con estas entidades y siguiendo instrucciones de EDP. EDP ​​conservará sus datos personales mientras esté interesado en recibir nuestra newsletter, o durante un período superior en caso de obligación legal. En cualquier caso, EDP siempre implementa las medidas técnicas y organizativas adecuadas.
Puede ejercer sus derechos de acceso, rectificación, supresión, portabilidad, limitación u oposición enviando un correo electrónico a SICO@edp.com. También podrá, a través de esta dirección de correo electrónico, retirar su consentimiento para el tratamiento de datos con la finalidad indicada, lo que, sin embargo, no invalida el tratamiento realizado hasta esa fecha en base al consentimiento previamente prestado. También puede presentar una reclamación ante la Comisión Nacional de Protección de Datos, si considera que no se han respetado sus derechos en esta materia. Para cualquier cuestión relacionada con esta información, también puede ponerse en contacto con el delegado de protección de datos (RPD) de EDP, a través del correo electrónico dpo.pt@edp.com.

 
Esta questão é para testar se você é um visitante humano ou não a fim de prevenir submissões automáticas de spam.