inovação

Duração    
60 meses
Orçamento Geral    
20 M
Cidades-farol
Espoo e Leipzig

Metas

O SPARCS é um projeto H2020 que demonstra e valida soluções inovadoras sem emissões de carbono para sistemas de energia inteligentes e integrados, que permitem uma melhor qualidade de vida aos cidadãos.

É um projeto orientado para cidades inteligentes, cujos principais objetivos são oferecer um kit de ferramentas que forneça diagnóstico avançado, qualitativo e quantitativo da cidade, participação eficaz das partes interessadas locais, integração digital e o desenvolvimento de modelos de negócios inovadores. Todas estas atividades sustentarão um processo de transformação, a City Vision 2050, que tem por base Blocos de Energia Positiva (PEB), que são áreas geográficas limitadas, cuja média local de geração renovável é maior que o seu consumo.

O projeto será demonstrado em duas cidades-farol: Espoo, na Finlândia, e Leipzig, na Alemanha e em cinco outras cidades: Reykjavik na Islândia, Maia em Portugal, Lviv na Ucrânia, Kifissia na Grécia e Kladno na República Checa. 

A City Vision 2050 será desenvolvida e demonstrada nas cidades-farol e irá gerar 5 Blocos de Energia Positiva (PEB) em Espoo e Leipzig, contribuindo assim para a meta fixada pela UE de 100 PEB em 2020. O PEB será possível através da integração de renováveis, da integração do aquecimento e arrefecimento distrital e da resposta à procura térmica, da previsibilidade e otimização do desempenho energético, de grandes aplicações de bateria e armazenamento, de soluções de digitalização interoperáveis, incluindo a otimização da big data e adaptação da tecnologia da blockchain, da integração da electromobilidade, da EV como armazenamento, das medidas de planeamento urbano, da eletrificação dos transportes públicos e do carregamento dos autocarros elétricos e da mobilidade como um Serviço.

Destaques

  • Liderado pela VTT Finland;
  • Consórcio formado por 31 parceiros de 8 países membros da UE (Finlândia, Alemanha, Portugal, Chipre, Grécia, Bélgica, República Checa e Itália) e 2 países não pertencentes à UE (Ucrânia e Islândia). O consórcio abrange as principais partes interessadas, como municípios, universidades, PMEs e empresas que reúnem três áreas de conhecimento: Sistemas de Energia Urbana, TIC e Interoperabilidade e Inovação Empresarial e Conhecimento do Mercado.

Papel da Labelec e NEW R&D

A NEW da EDP participa no SPARCS com o seu profundo conhecimento sobre Cidades Inteligentes, liderando o desenvolvimento de soluções de energia para Blocos/Distritos de Energia Positiva e fornecendo suporte técnico às atividades de acompanhamento do Município de Maia. A New também é responsável pelas diretrizes de expansão e replicação.

Parceiros: