inovação

Ianos

Dados Chave

Duração: 48 meses

Orçamento: 8.8M €

Ilhas farol:Terceira (PT)
e Ameland (NL)

Ilhas piloto: Lampedusa (IT).
Bora-Bora(FR) e Nystros (GR)

Metas

O objetivo do IANOS é demonstrar, sob condições de operação reais, soluções adaptadas às exigentes condições insulares capazes de aumentar significativamente a eficiência energética global das ilhas geográficas e reduzir a sua pegada de carbono. Para este fim, uma estratégia de Transição Energética é estabelecida através de 3 Caminhos de Transição (TT): 

  • TT#1: Eficiência energética e serviços auxiliares de rede para altas taxas de penetração de fontes renováveis;
  • TT#2: Descarbonização através da eletrificação e utilização de combustíveis não emissores de CO2;
  • TT#3: Maior poder de decisão para as Comunidades Locais de Energia.

Dentro destes Caminhos de Transição, 9 Casos de Estudo foram desenvolvidos, envolvendo uma combinação novas e já existentes tecnologias de energia renovável e armazenamento, bem como uma eficiente coordenação das mesmas, possibilitada por uma Virtual Power Plant inteligente. Isto será demonstrado em duas ilhas piloto (Terceira e Ameland) aproveitando o conhecimento para uma replicação nas ilhas pós-piloto (Lampedusa, Bora Bora e Nísiros).

Destaques

  • A EDP NEW será o coordenador deste projeto;
  • Consórcio formado por 34 parceiros de 8 países europeus diferentes.

Novo âmbito de I&D

A EDP NEW é a coordenadora do projecto IANOS e também responsável pelo Work Package de definição de especificações técnicas e desenvolvimento do Roadmap para a Descarbonização. Para além do envolvimento em várias tarefas técnicas, será também, juntamente com a Eletricidade dos Açores, responsável por todas as atividades de demonstração na ilha Terceira.

Parceiros

Partners ianos