edp news
solar energy

EDP entra no Vietname com projeto de solar

Quarta-feira 30, Junho 2021
Atividade corporativa
Internacional
Energias renováveis

Contrato de aquisição de um projeto de 28MW com a Trina Solar, no valor de 30 milhões de euros, representa o primeiro passo do grupo para estabelecer uma presença na Ásia. EDP passa, assim, a estar presente em 22 geografias a nível mundial.

A EDP Renováveis, empresa de energia renovável do grupo EDP, celebrou um contrato com a Trina Solar, um dos principais fabricantes mundiais de soluções energéticas fotovoltaicas e inteligentes, para adquirir um projeto de energia solar fotovoltaica de 28 MWac (35 MWdc) no valor total de 30,3 milhões de euros.

O projeto de energia solar fotovoltaica Trung Son, situado na Província de Khanh Hoa, no Vietname, está a funcionar desde dezembro de 2020 e tem um contrato de aquisição de energia (CAE) assinado com a Vietnam Electricity (EVN), a uma tarifa de aquisição de 20 anos (FiT).

O Vietname é uma das economias de crescimento mais rápido no Sudeste Asiático, com a procura de energia a aumentar cerca de 10% por ano neste mercado. A energia térmica representa cerca de 50% do cabaz de capacidade instalada e a dependência da energia aumentou significativamente no país com importações líquidas que rondam atualmente 30% da procura de energia total.

A entrada no Vietname está enquadrada no Plano de Negócios da EDP Renováveis para 2021-25 e representa o primeiro passo para o estabelecimento da sua presença na Ásia. A empresa irá continuar a investir na expansão para novas geografias, no âmbito do plano de crescimento de 20GW até 2025, reforçando ainda mais a sua posição de líder mundial em energias renováveis.

A assinatura e conclusão da transação já ocorreram, aumentando para 22 o número de mercados em que o grupo EDP está presente e para 17 o total de geografias onde a EDP Renováveis já tem operação.

"O acordo a que chegámos para entrar no mercado vietnamita é um grande passo para consolidar a nossa presença na região da Ásia-Pacífico e assim reforçar ainda mais a nossa posição de liderança global. O Vietname é um país que oferece grandes oportunidades, é uma das economias de mais rápido crescimento no Sudeste Asiático e tem, além disso, a necessidade de reduzir progressivamente a sua dependência energética. Graças a este novo marco, o grupo EDP reforça o seu compromisso de ser uma empresa sem carbono até 2025", afirma Miguel Stilwell d’Andrade, CEO da EDP e EDP Renováveis