Política de Compras Sustentáveis

princípios e políticas

Política de Compras Sustentáveis

O processo de compras do Grupo EDP é desenvolvido no quadro da seguinte Política de Compras Sustentáveis:

1. Cumprimento da legislação e regulamentação em vigor e dos procedimentos internos de governação aplicáveis à atividade das partes interessadas envolvidas;

2. Adoção de uma política ambiental responsável que respeite o meio ambiente através da mitigação dos impactos adversos da sua atividade;

3. Tratamento de igualdade, transparência e imparcialidade, garantindo um diálogo vantajoso e o respeito pelos compromissos firmados mutuamente;

4. Disponibilização a todas as partes interessadas de canais de consulta e comunicação adequados;

5. Adoção de uma conduta de integridade e de elevação moral e ética, sustentada pelo Código de Ética do Grupo EDP, abstendo-se de quaisquer práticas de suborno, corrupção, extorsão ou fraude;

6. Confidencialidade de toda a informação partilhada, assegurando a sua não transmissão a terceiros e o respeito entre as partes envolvidas;

7. Eliminação de conflitos de interesse que prejudiquem a objetividade e a independência na tomada de decisões;

8. Promoção do respeito pela dignidade e direitos humanos e rejeição de qualquer forma de trabalho forçado ou de trabalho infantil, perseguição, discriminação, abusos ou outros tipos de violência física ou psicológica;

9. Satisfação dos requisitos estabelecidos em matéria de segurança, higiene e saúde no trabalho;

10. Apoio ao desenvolvimento socioeconómico das comunidades locais onde desenvolve a sua atividade;

11. Fomento da melhoria contínua, inovação e partilha de boas práticas em matéria de eficiência, qualidade dos bens ou serviços e proposta de novas soluções/oportunidades de mercado.

Esta política foi aprovada pelo Conselho de Administração Executivo da EDP- Energias de Portugal, S.A (CAE) em 1 de Junho de 2016.